As 5 subidas mais difíceis do Brasil

Vamos falar de subidas. Não qualquer subida: as 5 subidas mais difíceis do Brasil no Strava.

Ahh, o Strava! Amado por muitos, criticado por outros, o aplicativo é o mais usado para registrar pedaladas e corridas via GPS mundo afora. Está com a gente nos pedais de 100, 200 e 300km, nas pedaladas de domingo de manhã e até naquela ida à padaria. O assunto é tão polêmico que escrevi um artigo inteiro denominado “O Strava não Straga nada. O que estraga é sua competitividade“.

E quem nunca aquí pegou aquele segmento duríssimo e disse “acho que é a subida mais dura da região!” não é?

Pode-tirar-Strava As 5 subidas mais difíceis do Brasil

Mas você já parou para se perguntar quais são as subidas mais difíceis do país? Quais aqueles segmentos que fariam seus amigos fingir que o pneu furou e que a corrente estourou? Pois fui atrás dessa informação e depois de muita pesquisa no site da plataforma cheguei a um ranking com o ranking da lista final das 5 subidas mais difíceis do Brasil!

Você encontra os critérios utilizados no link da calculadora de subidas ao fim do post. Vamos lá!

5ª colocada: Morro das Antenas (SC)

rampa_antenas As 5 subidas mais difíceis do Brasil

Localizado na cidade de Jaraguá do Sul, a subida do Morro das Antenas é uma parede! Com quase 13% de inclinação média, o trecho poderia facilmente ser chamado de Muro das Antenas e possui a maior inclinação de todas as subidas mais difíceis  do ranking.

Isso faz com que o Morro, apesar de ter uma distância percorrida relativamente curta – 6,4km – tenha um assustador ganho de elevação de mais de 800m! Coisa de louco.

-Inclinação média: 12,83%
-Ganho de elevação: 821m
-Distância percorrida: 6,4km
-Superfície: Terra
-Altitude máxima: 850m
Pontuação final: 26,89

(Veja aqui o segmento)

4ª colocada: Serra da Estrela ao Morins (RJ)

travessia-petro-tere05 As 5 subidas mais difíceis do Brasil

Essa é a mais curiosa das integrantes da lista. Admito: a pessoa que lhes escreve não é Carioca ou Fluminense, mas parece um pouco estranho o fato deste incrível segmento só ter tido 31 tentativas por 18 pessoas.

(Nota: Um leitor do blog informou que o grande volume de carros e más condições da estrada tornam ela um lugar um pouco inóspito)

O segmento, que consiste em absurdos 1406m de ganho de elevação, parte de Vila Inhomirim rumo às Torres dos Morins, na cidade serrana de Petrópolis. Apesar da inclinação não ser uma dais mais elevadas de nossa lista de subidas mais difíceis, o fato da estrada ser quase completamente composta de paralelepípedos torna a subida possível  quase que somente de Mountain Bike. Curta também a página no Facebook:

 

Continuando…

-Inclinação média: 8,47%
-Ganho de elevação: 1406m
-Distância percorrida: 16,6km
-Superfície: Paralelepípedos
-Altitude máxima: 1449m
Pontuação final: 26,98

(Veja aqui o segmento)

3ª colocada: Estrada das Pedrinhas (SP)

serra-da-mantiqueira-11 As 5 subidas mais difíceis do Brasil

Única representante paulista da lista, a Estrada das Pedrilhas é um colosso! Toda em terra, a estrada é rota de peregrinação para Aparecida e já foi muitas vezes utilizadas por provas de MTB da região.

Podemos dizer que a terceira colocada da lista é a subida mais penosa do estado de São Paulo. Se você e seus amigos estão planejando aquele “longão”, considere subir a Estrada das Pedrinhas em Guaratinguetá chegando em Campos do Jordão de um jeito diferente.

-Inclinação média: 7,73%
-Ganho de elevação: 1244m
-Distância percorrida: 16,1km
-Superfície: Terra
-Altitude máxima: 1863m
Pontuação final: 27,03

(Veja aqui o segmento)

2ª colocada: Pedra de São Domingos (MG)

5d_MG_0187-745219 As 5 subidas mais difíceis do BrasilDigna de segundo lugar, a Pedra de São Domingos pode ser  considerada a subida em estrada de terra mais difícil de todo o Brasil!

Localizada na cidade de Córrego do Bom Jesus, em Minas Gerais, a escalada até a Pedra conta com inclinação de quase 10% e também possui a maior altitude máxima de todas as subidas mais difíceis presentes na lista: 1902m!

Muita gente acredita que a subida está em Cambuí, porém esta leva o título somente por ser a cidade mais famosa da região.

-Inclinação média: 9,86%
-Ganho de elevação: 1095m
-Distância percorrida: 11,1km
-Superfície: Majoritariamente em terra
-Altituda máxima: 1902m
Pontuação final: 27,72

(Veja aqui o segmento)

Bônus

Ok, antes de anunciar o primeiro lugar vamos a algumas algumas considerações e curiosidades:

1- Quais seriam as 6ª. 7ª, 8ª, 9ª e 10ª colocadas:

6ª: Serra do Vulcão, Nova Iguaçú RJ – 26,65 pontos.
7ª: Serra de Luminosa, Brasópolis MG – 26,15 pontos.
8ª: Pico do Ibituruna, Governador Valadares MG – 25,77 pontos.
9ª: Serra do Corvo Branco, Grão Pará SC – 24,96 pontos.
10ª: Estrada Sertão, Bananal SP – 23,58 pontos.

2- A subida da Serra de Luminosa é a mais percorrida de nossa lista. Com 1677 tentativas, sua popularidade é explicada por fazer parte do Caminho da Fé.

3- Outro detalhe: nenhuma das estradas da lista é inteiramente de asfalto. Somente em 11º lugar estaria a subida da Serra do Mar de Ubatuba a Taubaté.

Pronto, vamos lá!

1ª colocada: Estrada Paraty – Cunha (RJ)

paraty-capa-1024x410 As 5 subidas mais difíceis do Brasil
A subida mais dificil do Brasil se encontra na divisa entre o estado do Rio de Janeiro e São Paulo.  Alie o fator ganho de elevação e inclinação a uma altíssima umidade relativa do ar e às altas temperaturas do litoral do RJ e pronto, temos um monumento na Serra da Bocaina. A número 1 do ranking de subidas mais difíceis.

Para se ter uma ideia, uma das subidas difíceis do Tour de France, o Mont Ventoux, possui ganho de 1539m contra 1504m da estrada Paraty – Cunha e aqui estamos falando de uma estrada de bloquetes, não de asfalto, e que até há pouco tempo era completamente de terra.

Quer mais uma comparação? Peguemos também uma subida do Tour, dessa vez o famoso Alpe d’Huez e suas 13 curvas: 8,66% de inclinação lá na França contra 8,69% aqui no Brasil.

A estrada pode ser, com coragem, subida com bikes de estrada, o que torna esse um passeio muito interessante, sendo que no estado de SP as estradas já são todas asfaltadas. Vale o pedal!

-Inclinação média: 8,69%
-Ganho de elevação: 1504m
-Distância percorrida: 17,3km
-Superfície: Bloquetes
-Altitude máxima: 1530m
Pontuação final: 28,26

(Veja aqui o segmento)

Todas as subidas mais difíceis mencionadas acima merecem nossa atenção. Mais um fator de comparação: A famosa Serra do Rio do Rastro em Santa Catarina acumularia 18,70 pontos e portanto não faria parte nem de nosso Top 10. Portanto estamos falando aqui de subidas extremamente duras!

Quer calcular a dificuldade da sua subida?

Então use a calculadora de nível de dificuldade de subidas. Foi a partir da construção dessa calculadora que consegui chegar a esse Ranking. Por fim tenho 3 recomendações pra você:

  • Confira também as listas das subidas mais difíceis de Minas Gerais e de São Paulo;
  • Curta a página do Aventrilha no Facebook (abaixo);
  • Se inscreva na Newsletter para receber artigos exclusivos de cicloviagem e mountain bike por email;

     

  • filipe candido mafioleti

    Faltou a serra do rio do rastro…

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Filipe. Como mencionamos: A Serra do Rio do Rastro teria acumulado 18,7 pontos e portanto não faria parte nem do top 10 rsrsrs. Aqui entraram subidas muito duras!
      Bons pedais.

    • Emilson Pareschi

      Citaram a Serra do Rio do Rastro, que não entraria nem no top 10.

  • Josiel

    eh a trilha dos castelhanos em ilhabela sp

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Josiel. A subida de Castelhanos possui ganho de elevação de 627m. Como nós selecionamos apenas subidas com mais de 800m ela ficou de fora da avaliação.

      Abraços!

    • Rodrigo

      castelhanos faltou mesmo 1000 metros em apenas 12 km e bem inclinada

    • Emilson Pareschi

      Castelhanos não tem 800m de ganho de elevação, então ficou fora. Já fiz e é bem difícil.

  • Tenho a altimetria da subida da estrada Paraty x Cunha tirada no meu GPS realmente não é brinquedo não!

  • Escalador jamaicano
  • Geraldo Iran da Rosa

    Foi avaliada a Serra da Rocinha? Divisa dos estados de SC e RS.

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Geraldo. Sim, avaliamos a Serra da Rocinha. A pontuação dela ficou em 23,2 portanto um pouco fora do Top 10.

      Mas é certamente uma subida duríssima! Se você já passou por lá tem nossos parabéns!

      • Essa é dureza, passei lá fazendo cicloturismo, com barraca, alforge, saco de dormir e tudo mais, bike pesando uns 40 kg….
        Foi dureza… muito cascalho e pedra solta.

      • Andre

        Passamos por ela em uma pedal de 500km em tres dias. Começamos a subir ela com 100km no dia e a temperatura na pé da serra estava 14º e quando chegamos no topo (de noite) estava 2º e garoando. (tinha que incluir temperatura na pontuação – hahahaha)

        https://www.strava.com/activities/387332843#9268631781

  • Jony

    Amigo, serra da Brastel, em Bananal SP. Acho que faria parte desta lista aí.

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Jony. A Serra da Brastel, em Bananal, possui inclinação média de 5,4%. Como nós selecionamos subidas apenas de mais de 7% de inclinação média, ela ficou de fora.
      Abraços!

  • luciano garcia

    Sorte que aqui em Goias não tem estes Caroçinhos, como nos goianos dizemos quando tem subida. ” é so mais uns dois caroçinho e acabou !

  • Ricardo

    Esqueceram do vulcão em Nova Iguaçu e torre do mendanha em Campo Grande RJ

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Ricardo. Vulcão está na lista, em sexto lugar, como escrevemos alí em cima. Não entrou por pouco! rsrs.
      Abraços

  • David

    Lembrando q a pedra de são domingo tem nada menos q 2050m d altitude e não 1902m

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, David. A parte pedalável da Pedra termina em 1902m. Ou melhor dizendo: O segmento do Strava pesquisado termina em 1902m como é possível verificar clicando no link logo acima referente à Pedra.

      Um abraço e bons pedais!

  • Alexander Macena da Silva

    Boa tarde
    Parabéns pela reportagem. Por acaso vocês verificaram a estrada entre Camanducaia (MG) e o seu distrito de Monte Verde. Outra subida interessante é a Serra da Moeda (MG).
    Abraços.

  • MARCELO LOBATO TRAVANCA

    Srs. Boa tarde!
    Foi verificado a subida de Pedra Menina até o Terreirão no Pico da Bandeira em Minas gerais?
    Também é uma bela subida!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Marcelo!

      Verificamos todas as subidas so complexo do Caparaó porém nenhuma otbeve mais de 7% de inclinação média E mais de 800m de ganho de elevação.
      Se tivessemos feito um ranking de “Beleza das subidas” aí a conversa seria outra e a subida teria entrado com certeza! rsrs.

      Abraços e bons pedais

  • Claudião

    Já tive a felicidade de subir a a Pedra de São Domingos duas vezes de mtb e é realmente é muito puxada, vale muito pelo visual lá de cima! Obs.: No GPS a altitude bateu a quase 2000m pedaláveis! saindo do “Korgo”, deu 1120 m de diferença de elevação…

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Claudião!

      Confesso que invejo você um pouco! rsrs, nunca tivemos a oportunidade de pedalar lá! De todo modo, como usamos o segmento correspondente do Strava, decidimos colocar o que ele nos informa, que é 1902m De qualquer forma, já é morro demais, não?! hahaha

      Abraços e bons pedais!

  • Márcio Guedes

    Fiz Paraty Cunha 2 vezes e fiz Cachoeira do Garcias em Airuoca MG. Achei a serra dos Garcias mais difícil, o tempo todo com altas inclinações.

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Márcio. Toda a região de Airuoca é muito puxada! Analisamos os segmentos das redondezas porém não tiveram pontuação para entrar no Ranking.
      Se você subiu Paraty – Cunha 2 vezes já tem nosso parabéns! A subida é muito dura!

      Abraços e bons pedais!

  • Luciano de Souza

    Dessa lista aí eu já fiz Pedrinhas/Gomeral, Paraty, Luminosa.
    Minhas considerações:
    Paraty/Cunha – Quando o trecho que hoje é de bloquete erra de terra, dá pra falar que era uma serra com um nível de dificuldade muito alto. Metade dela era de asfalto e a outra metade era de terra. Agora continua com a metade asfaltada e a outra metade agora é bloquetada. Não fiz ainda a parte depois que bloquetaram, mas tenho certeza que ficou muito mais fácil. No estilo antigo eu acho que já não colocaria na primeira colocação, agora menos ainda.

    Pedrinhas/Gomeral – Dos 16 km, tem aproximadamente 4 km de asfalto (com metade quase plano e a outra metade bem inclinada), mais uns 6 km de terra (começando com um estradão e ao longo dos 6 km o solo vai ficando mais instável, irregular e com erosões) com uma dificuldade média/alta, e a os últimos 6 km com uma dificuldade extremamente alta, tanto quanto a técnica quanto a inclinação. Trecho muitíssimo inclinado e com o solo com muitas pedras soltas e grandes, onde é muito difícil achar uma linha legal pra facilitar um pouco a subida.

    Luminosa – 7,5 km muito difíceis, sendo os 2 primeiros km sem muita dificuldade técnica, mas com inclinação bastante acentuada. A partir desses dois km a dificuldade técnica aumenta muito. Muitas erosões e pedras soltas somadas a altíssima inclinação deixam a subida extremamente difícil.

    Conclusão das subidas que eu descrevi:

    1 – Pedrinhas/Gomeral (fica em primeira pela distância total, somada a dificuldade técnica e física dos últimos 6 km).
    2 – Luminosa (Apesar de não ser tão longa como as outras duas subidas, tem um grau de dificuldade físico e técnico elevadíssimo praticamente a subida toda, com apenas um trecho de alívio).
    3 – Paraty/Cunha (longa e com inclinação puxada quase que na subida toda, porém o trecho de asfalto e agora com o restante em bloquetes fazem com que a dificuldade física fique bem mais fácil por falta de trechos técnicos.

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Luciano!

      Bom ter ciclistas experientes conosco! Se pedalou algumas delas, parabéns! Também tive a oportunidade de pedalar Paraty-Cunha na écoda de terra e era um terror.

      Decidimos criar o ranking com base em dados numéricos. Como mencionamos, houve um critério para pontuar as subidas.

      Um fator que não levamos em conta, evidentemente, é a preferência e habilidade individual de cada ciclista. Há muitos que preferem as curtas e íngrimes e teoricamente diriam que a das Antenas, por exemplo, não é tão difícil. Outros preferem as longas e constantes e já diriam que Paraty-Cunha não é tão cansativa.

      Para não parar na barreira “preferência” decidimos por um critério e aí está a lista.

      Esperamos que tenha a oportunidade de pedalar os outros trechos e nos contar como foi!

      Abraços e bons pedais!

  • Luciano de Souza

    Márcio Guedes…também fiz a subida da cachoeira dos Garcias. Achei bem difícil também, mas é bem mais curta. Não tenho tanta base pra falar, pois fiz com uma bike muito simples e com bastante peso na bagagem.

  • Patricia

    Checaram a Serra do Paiol em São Bento do Sapucai?

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Patrícia. Tivemos o prazer de subir a Serra do Paiol. É coisa de louco mesmo! Muito íngrime e longa. Também já descemos a serra vindo do outro lado.

      A subida porém não pontuou o suficiente para entrar no top 5.

      Abraços e bons pedais!

  • Irineu

    Passei por algumas da lista e pela dificuldade que tive, estealhei não aparecet o caminho da Pedra Furada em Urubici

  • Julio

    E a serra do Paiol, que liga São Bento do Sapucaí a campos do Jordão? Essa serra das pedrinhas em guará é a mesma conhecida por Gomeral? Parabéns pela pesquisa!!!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Julio.

      A estrada do Paiol não figurou na lista devido a sua pontuação. Passamos por lá tanto subindo como descendo e a coisa é feia! rsrsrs.

      Sim, também conhecida por Gomeral!

      Abraços e bons pedais!

  • Luciano

    Cachoeira de Santo Izidro em São José do Barreiro em SP , ganho de altitude acima de 1200 m , 20 km de subidas e mais 6 km até chegar na bela cachoeira .

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Luciano. Essa subida não possuiu mais de 7% de inclinação média para poder entrar na lista.

      Abraços e bons pedais!

  • Thiago

    Cresci subindo e descendo a Serra da Estrela, e digo que o fato de ter pouca gente tentando fazer o segmento até o Morins é que a Serra é super perigosa para bikes! Bloquetes, mão dupla, muito ônibus, mato alto na beira da estrada… Uma pena a estrada ser tão mal cuidada… O visual é sensacional!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Thiago.

      Obrigado pela informação! Vou adicioná-la ao post.

      Abraços e bons pedais!

  • Tenner Mendes

    Tive o prazer de passar pela serra de luminosa no feriado de 21 de abril desse ano! ! Durissima!!! Eh a parte do caminho da fé que mais exige do peregrino tanto a pé quanto de bike!! Tem que ter atenção o tempo todo se vacilar eh chão com certeza! ! Parabéns pela Post!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Tenner.

      Realmente, a subida de Luminosa – ou Quebra Pernas como alguns chamam – é uma das subidas mais duras de todo o Caminho da Fé! Parabéns por ter pedalado lá!

      Abraços e bons pedais!

  • Waltair Alves Pereira

    Você avaliou a Serra do paiol e Santo António do Pinhal ,fica região de Campos do Jordão.
    Obrigado

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Waltair!

      Sim, todas as serras da região de Campos do Jordão foram avaliadas. A maioria, porém, é asfaltada e por isso não pontuou o suficiente para figurar na lista.

      Abraços e bons pedais!

  • Emerson Alvarenga

    Se você Juntar a subida de Paraty mais a subida da Pedra da Marcela https://www.strava.com/activities/504988145/segments/12132482114 , aí não têm pra ninguém ! rsrs

    • Fernando – Aventrilha

      E ainda por cima com KOM, hein Emerson!? Parabéns!

      Pois é, esse segmento só não entrou na lista pela sua porcentagem abaixo de 7%, que foi um dos critérios escolhidos pela gente.

      Abraços e bons pedais!

      • Emerson Alvarenga

        Não chega a 7% porque depois que se chega na divisa do Rio com São Paulo têm uma descida forte até a estrada de terra que vai para a Pedra da Marcela , aí meu amigo , o bicho pega , você nem imagina o quanto é difícil os últimos 2 km chegando na Pedra , inclinações de mais de 30% !

  • Alex Brazil

    Olá. Já fiz algumas vezes a serra de Paraty- Cunha e a de Pedrinhas e realmente são muito duras, mas acho essa difícil demais. Não sei irá chegar na pontuação, mas essa serra, mais precisamente esse segmento é muito duro e fazia parte do percurso do Power Bike em Passa Quatro-MG. Com partes que chegam ao absurdo de 28 – 30 % de inclinação.https://www.strava.com/segments/9942103
    Abração!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Alex

      Legal que já passou por algumas das subidas da lista. Não é para poucos!

      Quanto ao segmento informado, toda a região de Passa Quatro é recheada de subidas absurdas! Você deve saber muito bem. O segmento informado, porém, possui inclinação média de 6,7% e ganho de 736m e portanto não alcançou os requisitos para participar de nossa lista.

      Um abraço e bons pedais!

    • Paulo RaioV

      Pedra da MACELA em Cunha é o bicho fui a pé de bike é o bicho.porra

  • Leonardo Teixeira

    Serra da Brastel, em Bananal acumula 900m de altimetria em apenas 9km de subidas. É bem dura, mas totalmente asfaltada. A inclinação média de 5,4% é porque tu consideraste desde a cidade de Bananal.
    Mas o ranking ficou top. Parabéns!

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Leonardo!

      A região de Bananal inclui a 10ª colocada porém não conseguimos identificar o nome. Pouco pedalada – segundo o Strava – mas digna de Top 10!

      Abraços e bons pedais!

  • Braulio

    Realmente tive a oportunidade de subir o vulcão em nova Iguaçu, a subida e bem dura com uma inclinação quase impossível,mais tranquilo os cascalhos e muita terra solta dificultaram bastante mais objetivo alcançado.

  • Marcelo Hernandes Bastida

    Vcs chegaram a pontuar o quiriri, divisa entre PR e SC?
    Tambem a subida da estrada da graciosa no litoral do PR
    Somente pra eu ter ideia do tamanho da encrenca que são os outros morros…

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Marcelo.

      Sim, verificamos todas as subidas do Paraná, porém nenhuma figurou na lista – por pouco. Realmente esses outros morros são “encrenca”!

      Abraços e bons pedais!

  • Guilherme Josè de Sa

    Fiz algo etúpido em 2007 , saí de Parati as 18:10 e cheguei em Cunha as 22:00 ! Esse trecho fazia parte de um giro de 1000 km que fiz em 5 dias . Detalhe numa speed giant ocr thre 53-39 & 12-25…..empurrei 22 passos um pouco dp do barzinho hehe

    • Fernando – Aventrilha

      Boa noite, Guilherme.

      Olha, não vou dizer “estúpido” mas realmente é algo que nós aqui da Aventrilha nunca faríamos haha. Parabéns pela epopéia!

      Abraços e bons pedais

  • Fabricio

    A serra da graciosa no pr tem 700 m, 10 km, 90% paralelepipedo e 6.4%

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Fabricio.

      Como o critério foi possuir acima de 800m de elevação e 7% de inclinação média, a Graciosa não passou no teste rsrs. Mas não deixa de ser uma subida duríssima. Se já pedalou lá tem nossos parabéns.

      Abraços e bons pedais!

  • FABIO BARBOSA

    eu pedalei a numero 8 kkkkkkkkk é na minha cidade
    https://www.strava.com/activities/349565984#8314443661

    • Fernando – Aventrilha

      Show de bola!

      Parabéns, Fabio!

  • Zil weder

    Pedra marcela em cunha
    Subida duríssima tbm

  • Cláudia Grota

    Foi analisada a subida da Pedra Grande, em Atibaia/SP ?

    • Fernando – Aventrilha

      Olá Cláudia.

      Como a Aventrilha é sediada em Atibaia, observamos quase que imediatamente a nossa querida Pedra rsrs. Porém ela esteve bem abaixo das outras da lista.

      Um abraço e bons pedais.

  • Douglas

    Morro da Igreja em Urubici, nos seus primeiros 5km é uma pancadaria só, sobe quase 600m. Acredito que é muito mais difícil que a Serra do Rio do Rastro.

  • CARLOS CINTRA

    Parabens pela iniciativa muito legal ver os comentários sobre as dolorosas subidas.
    posso fazer uma sugestão ? Um ranking somente de subidas asfaltadas.

    valeu e boa sorte

    • Fernando – Aventrilha

      Boa tarde, Carlos!

      Obrigado pela ideia. Colocaremos em nosso radar para um post futuro.

      Abraços e bons pedais.

  • Adriano Bernussi Belmonte

    E a serra de charqueada a saltão?

  • Eli Ferreira

    Subida do Bombeiro. Catalão Goiás

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Eli Ferreira.

      A Subida do Bombeiro não obteve pontuação suficiente para subir ao top 10.

      Abraços e bons pedais!

    • jose targino bonifacio

      boa tarde sou da região de americana morro azul em Limeira SP é bem complicada, tbm tem o morro do trator indo para Pirapora !

  • Portela

    PARATY / CUNHA é maior que a subida da serra de UBATUBA / TAUBATÉ?

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Portela

      Sim: A subida de Paraty – Cunha conta com 600m a mais de altimetria que a Ubatuba – Taubaté. No quesito inclinação, porém, a de Ubatuba ganha, com 11% contra aproximadamente 9% da subida carioca.

      Abraços e bons pedais

  • Gislaine Regina da Silva

    Eu já Subi a 2º Pedra de São Domingos.
    Também fiz rapel.
    Terra natal!

    • Fernando – Aventrilha

      Oi, Gislaine.

      Parabéns! Tanto pela subida como por morar em uma região tão bela.

      Abraços e bons pedais!

  • Diego

    Corremos uma prova em Cambui esse mês, subimos parte da Pedra de São Domingos, subida “infernal” 4,5 km com inclinações duras mesclada com trechos de passada alta !! resumindo .. sofridamente maravilhoso

    • Fernando – Aventrilha

      Boa noite, Diego.

      Imagino! Quando estivemos pesquisando a lista rapidamente vi que, em se tratar de estrada de terra, é a mais desafiante do país. Se você foi lá pra competir então está muito bem. rsrs

      Abraços e bons pedais!

  • fernandosilva

    e a esrtrada de sao fransico xavier a gonçalves tem 1000 de elevaçao

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, xará!

      Essa subida é endiabrada. Subimos lá em 2011 e descemos em 2013. Foi um sufoco!
      O segmento oficial no Strava dessa subida é o seguinte: https://www.strava.com/segments/6792245

      Até eu me surpreendi, mas o morro não acumulou 800m de elevação e 7% de inclinação média.

      Abraços e bons pedais!

  • Alexandre “Max” Kliemann

    E a Serra do Tepequem em Roraima?

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Alexandre!

      A famosa Tepequem aí de Roraima também não obteve elevação acumulada de 800m para fazer parte da lista. Mas dizem que o visual daí é incrível

      Abraços e bons pedais.

  • Sou idealizador do Projeto Serras Catarinenses. O objetivo é subir as principais Serras de SC. Já subimos a Faxinal, a Rocinha, a Rio do Rastro e a Corvo Branco. Todas sensacionais. Pra quem não conhece, vale a pena conferir.
    Acessem no Facebook Projeto Serras Catarinenses. Um abraço!

  • Carlos Gebauer Neto

    Vocês analisaram a subida da Serra do Lopo em Extrema, MG?
    São por volta de 7 Km de subida numa inclinação estupenda e ganho de elevação de 800 m.

  • Beto

    Vocês verificaram a Serra dos Coelhos, entre Campos do Jordão (SP) e Piranguçu (MG) na Mantiqueira?

  • Miguelangelo

    Olá!
    Primeiramente parabéns pela reportagem!
    Mas percebi que faltou na lista o Pico da Caledônia em Nova Friburgo RJ, o qual, pelas minhas contas, seria o 01 da lista.
    Vocês poderiam verificar por favor?
    Ganho de elevação = 1235m
    Inclinação média =14,72%
    Parelelepipidos e pedras
    Altitude máxima = 2085

    Favor conferir, para confirmar se não calculei algo errado.
    Qualquer dúvida estou aí.

  • kleber Alessandro da Silva

    E o Morro da Asa Delta conhecido como morro do Cruzeiro em
    Itapira SP.

    • kleber Alessandro da Silva

      O Morro da Asa Delta de Itapira SP. Nao entra na lista ?

  • Valdir Alves

    O meu Vulcão ficou em sexto!!!!!! Treino corrida lá com frequência por morar próximo, chamo de meu quintal. Se quiser dar uma esticada, ainda tem uma trilha que atinge outro pico a 920m. E tem uma trilha interna paralela a estrada que chega a ser mais inclinada que a estrada para a rampa.

  • Patricio

    E a estrada mais alta do Brasil a serra do registro de 37 km de subida chegando a 2500 MTS de altitude

  • Geordanini

    Faltou a subida da Serra da Piedade Caeté MG. https://www.strava.com/activities/627910811. Em Caeté também tem o Morro do Andre, http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=13645394.

  • Valdir Aparecido de Oliveira

    Oi Fernando
    Aqui em Roraima temos a Serra do Tepequém que é muito bruta. É um trecho pequeno não mais que 5 km, mas tem cerca de 15% de média alcançando 28% de máxima. Todo ano subimos ela em duas competições. Muitos ciclistas acabam botando catraca de MTB com relação compacta na frente pra não por o pé no chão (caso deste que vos escreve). Segue o link do site: http://www.voltaderoraima.com
    Da um olhada pra ver onde ela se classificaria.
    Abraços.
    Valdir

    • Fala, Valdir!

      Pois é, eu passei por esse segmento quando estava formatando a lista. Acontece que dou mais pontuação para as subidas de terra por serem tecnicamente mais difíceis de subir. No futuro quero organizar uma só com subidas no asfalto e aí sim, tenho certeza que a Serra do Tepequém vai entrar! rsrsrs

      Abraços!

  • alex

    Moro em Petrópolis. As vezes faço Torre dos Morins. Legal suas comparações.valeu!

  • Michel Sant´Anna

    Para min a fora de serie é a HC
    Serra da Mantiqueira I (Engenheiro Passos – Itamonte) Divisa SP/RJ/MG

    http://www.pedal.com.br/forum/escaladas-ranking-brasileiro_topic43407.html

    Serra da Mantiqueira I (Engenheiro Passos – Itamonte) Divisa SP/RJ/MG
    HC
    Distância: 23 km
    Elevação: 1152 m
    Inclinação média: 5,7%
    http://www.bikemap.net/route/1352500

  • João Felipe

    Goiapaba-açu foi avaliado? 11,4% de inclinação média e 734m acumulados.

    Confira este segmento no Strava: https://www.strava.com/segments/1894705 — Subida Goiapaba-Açú

  • Antonio Varella

    Pela Calculadora, a subida do Caledônia ( Nova Friburgo ) é a mais difícil do Brasil
    6,6km de distância ; inclinação média de 15% ; elevação mais baixa 1.070m ; elevação mais alta 2.089m e diferença de elevação de 1.019m
    https://www.strava.com/segments/8645373

    • Fernando – Aventrilha

      Olá, Antonio

      Sim sim. Preciso atualizar essa lista. Houve inclusive algumas outras que ficaram de fora e não deveriam rsrsrs. Esse foi o primeiro post do Blog e eu não imaginava que ele fosse viralizar tanto hahaha, faltou um pouco de responsabilidade minha na época de pesquisar melhor.

  • Andre Tandem
    • Giancarlo Alves Faria

      to de olho….rss